quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Virada do Ano




O último dia do ano, tanta coisa mudou de um ano para outro. Meu dia a dia não é mais o mesmo. As amizades mudaram.
Fazendo uma reflexão do último ano, os sonhos ainda não se realizaram, com outras preocupações.
Tudo mudou me pergunto como foi rápido a mudança.
O medo de andar na rua continua, sei que com o tempo passa.
De uma coisa tenho certeza, sou muito amada pelo Pai, cuida de mim mesmo sem merecer. Grata a Deus pela vida, não quero pedir nada, só agradecer.

quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

Natal em Família



Passei a virada com minha família, foi uma noite agradável e muito divertida.
Durante o dia fiquei um pouco em casa e fui almoçar com a família de Winne.
Duas famílias que amo muito, que o Senhor nos abençoe.

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Vencer o medo


Depois de sofrer o assalto com tentativa de sequestro no sábado, tive que vencer o medo para ir trabalhar. Assustada com todos, sensação que alguém estava me olhando. Foi pior na volta para casa. Preciso vencer esse medo a cada dia, pois assim ficamos reféns.
Que o Senhor me ajude. Confio na sua proteção.

sábado, 13 de dezembro de 2014

Sofri um assalto com tentativa de sequestro


Nunca tinha sido assaltada, nem passava pela minha cabeça que isso poderia acontecer.
Mesmo com tanta violência sempre pensamos que nada de mal vai nos acontecer. Acredito ainda nas pessoas, sei que o mundo está cruel, mas ainda tenho fé.
Hoje fiquei impressionada com a forma que eles agiram, uma violência sem necessidade.

Estava com meu namorado estacionando o carro, quando dois rapazes um de cada lado anunciou o assalto. Mandaram descer do carro, eu rapidamente obedeci e ele logo em seguida me mandou entrar novamente. Na hora minha reação foi reagir, entrar no carro não iria, podia me matar naquele momento, mas não iria entrar. Meu namorado já estava fora do carro com o outro rapaz armado. O que estava comigo, me puxou pelo cabelo para colocar no carro. Gritei socorro, ninguém fez nada. Por um milagre, me largaram e levaram o carro.
Agora que estou em casa, tentando me acalmar, a imagem não sai da minha cabeça. O medo está me rondando, uma sensação horrível.
O Senhor cuida de nós, só Ele mesmo.